Pages

25 de fev de 2011

Oscar 2011 - Comentários e Previsões Finais (Categorias Principais)


MELHOR FILME




Vai Vencer: O Discurso do Rei? Não. A Rede Social!

Votaria em:
Toy Story 3


Não me interpretem mal. Considero “O Discurso do Rei” um ótimo filme. Exibe uma estrutura clássica e acadêmica, é formal, meticuloso, detalhista, sintonizado, equilibrado, charmoso, quadradinho, mauricinho, engomadinho, afetado... Enfim, chega a ser pedante em alguns momentos tamanha paixão que o filme sente por si mesmo. Mas ressalto, é um drama com pitadas de humor muito bem realizado. Porém, não corresponde a 1/3 da inteligência e relevância de “A Rede Social”, por exemplo, para ser consagrado no Oscar do próximo dia 27. Nessa disputa, o rei perde a majestade com facilidade. Bom, teoricamente deveria perder, mas aí entra em campo o influente Harvey Weinstein, produtor conhecido pelo histórico de arquitetar campanhas exageradas e antiéticas para arrancar à força estatuetas daqueles que merecem muito mais o prêmio do que os filmes os quais sua empresa – antigamente, a Miramax; hoje, The Weinstein Company – distribui. Somente isso explica a supremacia repentina do rei gago nas premiações mais determinantes ao Oscar, considerando que “A Rede Social” tinha sido praticamente unânime nas associações dos críticos. Essa é o principal embate dessa edição. A politicagem vai prevalecer ou o bom senso vai ecoar na cerimônia desse domingo? Como “Toy Story 3” não tem mesmo chances de vencer, torço pelo “filme do Facebook”, mas se “O Discurso do Rei” ganhar, vou lamentar mais pela manipulação escancarada dos votos do que pelo vencedor em si. Antes esse do que “Minhas Mães e Meu Pai...


MELHOR DIRETOR


"Todos vocês podem me adicionar..."

Vai vencer: David Fincher (A Rede Social)

Votaria em:
Darren Aronofsky (Cisne Negro)


Até o momento em que Tom Hooper foi agraciado pelo sindicato dos diretores no início deste mês, todo mundo apostava em David Fincher para levar Direção. Com a vitória inesperada do britânico, somada às consagrações de “O Discurso do Rei” no sindicato dos produtores e dos atores, o filme da realeza passou a ser cogitado a ganhar até em categorias que não merecesse sequer a indicação. Este é mais um caso. Bacana que Hooper adota um padrão diferenciado, com planos que fogem do visual convencional, mas há um problema de decupagem das cenas em seu trabalho que é gritante. Enfim, a coerência diz (ou não) que o melhor filme ganhe nessa categoria também, portanto aposto na excelente dissecação do universo pouco confiável criado em “A Rede Social”, embora minha torcida seja para a brilhante condução de Aronofsky por “Cisne Negro”. Se O. Russell ou os Coen levarem será uma surpresa.


MELHOR ROTEIRO ORIGINAL



Vai Vencer: David Seidler (O Discurso do Rei)

Votaria em:
Christopher Nolan (A Origem), mas não vi “Another Year”


Aqui não vou nem estender a discussão senão soarei deselegante, então vamos para o próximo rs.


MELHOR ROTEIRO ADAPTADO


"Paraíba! Tá aqui o meu cartão".

Vai Vencer e Votaria em: Aaron Sorkin (A Rede Social)

Antes de qualquer coisa, devo dizer que acho estupidez a Academia considerar o roteiro de uma sequência, adaptado. Não tem muita lógica essa classificação, visto que os personagens e o argumento de “Toy Story 3” se reproduzem, mas a história em si é original. Ainda que seja, pra mim, o melhor filme entre os indicados, devo reconhecer que a adaptação do livro “Bilionários por Acaso” para o cinema é de uma genialidade ímpar. A estrutura rítmica e o texto afiado de Sorkin são os principais fatores para que o filme seja um dos melhores de 2010. A concorrência é encorpada por filmes notáveis, mas comem poeira, porque “A Rede Social”, nessa categoria, é “CEO, bitch!”.


MELHOR ATOR


"Eu te arranho!"

Vai vencer: Colin Firth (O Discurso do Rei)

Votaria em: Jesse Eisenberg (A Rede Social), mas não vi “Biutiful”

Já prevejo o apedrejamento rs. Não pensem que criei algum tipo de implicância com “O Discurso do Rei”. Não mesmo, já até falei no texto introdutório que considero um ótimo filme e é justamente nas atuações soberanas de seu elenco que residem o ponto forte da pequena produção inglesa. Colin Firth está soberbo no filme. Na verdade, merecia ter vencido no ano passado por “Direito de Amar, mas, como de praxe, a Academia não vai perder a oportunidade de retratar o erro concedendo a Firth – que está no auge da carreira – o Oscar de Melhor Ator. É um papel desafiador. Gagueira é algo realmente difícil de reproduzir com convencimento – até o magnífico Paul Giamatti já errou –, sem falar (trocadilho) na dicção e no timbre de voz adotado pelo ator para compor o Rei George VI. Entretanto, Eisenberg, que não esteve preso a nenhuma dessas artificialidades, matou a pau e conseguiu humanizar um personagem que já nasce com antipatia do espectador. Pela naturalidade e raciocínio rápido de sua atuação, meu voto seria dele. Do outro lado, James Franco carrega “127 Horas” nas costas e Jeff Bridges, ladrão de banco e de vaga, não merecia estar aí e deveria ser obrigado a pedir desculpas publicamente a Ryan Gosling pelo incidente de sua indicação.


MELHOR ATRIZ


"Mas quem disse que vou perder?"

"EU! Vai encarar?"


Vai vencer e Votaria em: Natalie Portman (Cisne Negro)

Diferentemente da categoria pouco empolgante do ano passado, a de Melhor Atriz dessa edição dá gosto de ver. Ainda há um burburinho nos bastidores da possibilidade de Annette Bening levar o Oscar. Convenhamos que há fatores de sobra que a levam à vitória: o peso de sua carreira, por ser uma excelente atriz que ainda não levou o seu, por ser a presidente da comissão dos atores na Academia, por ter aparecido em todos os talk shows possíveis da TV na última semana etc. Mas Natalie Portman samba (ou dança balé, enfim) em cima dela. Se tem uma coisa que será muito injusta na noite é Portman sair de asas abanando. Concorda, Hilary?


"SUUUUUURE"


MELHOR ATOR COADJUVANTE


"Capitão Barbossa é um ícone. Fucking Jack Sparrow!"

Vai vencer e Votaria em: Christian Bale (O Vencedor)

Ele é o favorito, mas seu temperamento instável, sua fama de ser um perfeito idiota muitas vezes ofusca seu talento. Uma coisa é certa: nenhum diretor de fotografia vai votar nele rs. Quem ganha espaço com isso é o australiano Geoffrey Rush como o ator fracassado que se passa de fonoaudiólogo para curar a gagueira do monarca inglês em “O Discurso do Rei”. Como todo ator secundário que se preze, ambos dão o respaldo fundamental aos protagonistas, isso graça à excelente química que os atores dividem em cena como pela admirável performance de cada. Não farei desfeita se Rush levar o seu segundo careca dourado, mas a sinergia de Christian Bale, a composição de seu personagem em si resulta um trabalho soberbo. Pra mim, ele é o verdadeiro protagonista de “O Vencedor”, mas compreensível sua classificação como coadjuvante. Assim como Bridges, Jeremy Renner roubou banco e uma vaga, mas não reclamo jamais das lembranças a Mark Ruffalo por “Minhas Mães e Meu Pai” e John Hawkes como o tio ambíguo em “Inverno da Alma”. Mas nessa briga, Bale nocauteia cada um no primeiro assalto e sem muito esforço.


MELHOR ATRIZ COADJUVANTE


"O que vocês acharam da minha campanha estilo MTV girl?"

Vai Vencer e Votaria em: Melissa Leo (O Vencedor)

Com exceção de Jacki Weaver, acho que as demais indicadas nessa categoria têm possibilidades de vencer. Helena Bonham Carter por trazer momentos de graciosidade como a esposa apoiadora em “O Discurso do Rei”, além de este ser o filme com mais indicações da noite e Amy Adams por ser uma atriz em plena ascensão artística, queridíssima por todas e interpretando praticamente o mesmo papel de Mrs. Burton, adicionando o “fuck” ao vocabulário. Depois de Melissa Leo ter feito a cagada de bancar uma campanha para se promover e se justificado para “aparecer em capas de revistas” (tenha dó...), seu favoritismo se esvaiu e as atenções se voltaram para a jovem Hailee Steinfeld – a verdadeira protagonista de “Bravura Indômita”. Ainda assim, acho ignorância desmerecer o ótimo desempenho de Leo como consequência de sua atitude. Qualquer uma delas tem chances de levar o Oscar, mas ainda confio no bom senso da Academia para escolher aquela que é a melhor entre as cinco. Apesar dos pesares.


MELHOR FILME ESTRANGEIRO



Vai Vencer: Incêndios (Canadá)

Votaria em: Abstenção


Dos 5 indicados, o único que consegui assistir foi o doentio e genial “Dente Canino”, representante da Grécia. Não posso falar pelos demais, mas acho que nada seria mais surpreendente se este levasse o Oscar. Seria bizarro, uma fuga à previsibilidade que predomina nessa cerimônia. Mas a briga está mesmo entre “Biutiful” (México) – que tem grandes chances por Javier Bardem também ter sido indicado a Melhor Ator; “Em um Mundo Melhor”, a dinamarquesa Susanne Bier volta à cerimônia depois de concorrer com o belo “Depois do Casamento” em 2007; e “Incendies”, do Canadá, que conta a história de crianças que vão ao Oriente Médio procurar o pai. O filme foi muito bem recebido pela crítica e tem o perfil emocionante que o Oscar sempre busca no exterior. Por isso, aposto que será este último.


MELHOR ANIMAÇÃO

Vixe, esse é complicado. Acho que preciso de um algoritmo.


"Hummmmm... vamos ver, vamos ver..."

Vai Vencer e Votaria em: Toy Story 3


MELHOR DOCUMENTÁRIO


Vai Vencer: Trabalho Interno

Votaria em: Abstenção

“Exit Through the Gift Shop” é de longe o melhor dos três indicados desta categoria que tive a oportunidade de conferir. O outro é o corajoso “GasLand”, que retrata as perfurações no solo realizadas por grandes empresas petroquímicas para extração de gás natural. O documentário mostra como essa prática denigre o meio ambiente, chegando a afetar a água de famílias que residem próximas aos rios usados para essa atividade. “Restrepo” documenta o cotidiano de um pelotão situado no Korengal Valley, considerada a região mais perigosa do Afeganistão. É um filme com forte carga emocional, mas a altura que chegamos com essa batalha no Oriente Médio, é muito pouco mostrar apenas a rotina dos soldados, sem falar que vários documentários já fizeram o mesmo. N”ao vi “Lixo Extraordinário”, nem “Trabalho Interno”, mas considerando o assunto recente que este último retrata sobre a crise financeira de 2008, minha previsão fica com ele.

12 comentários:

Alyson Xyzyx disse...

hahaha' muito divertida a maneira que você postou. Também fiz no meu e ficou bem parecido também.

Tbm acho que A REDE SOCIAL leva, mas torço para Cisne Negro.

Tenho a mesma opinião quanto melhor direção, melhor roteiro original, roteiro adaptado, ator,atriz,ator coadjuvante, animação, filme estrangeiro (destaco sempre q nas ultimas 3 edições o favorio não ganhou) e melhor canção.

Só há a ressalva que, embora eu torça para a Melissa Leo, algo me diz que Amy Adams sobe ao palco. Deve ser Um pequeno instindo cinéfilo.

Vi tbm que votou em A Origem para melhores efeitos visuais, coisa que eu acho que não leva, tendo o filme do Harry Potter como concorrente. Acho q o bruxinho leva tbm. Enfim, sempre tenho essas apostas arriscadas e deve ser por isso que raramente me dou bem em bolões. hehe'

Abraço!

Reinaldo Glioche disse...

Gostei do elegante e antenado senso de humor Elton.
Pois é, concordo contigo em quase tudo. Eu, por exemplo, votaria em James Franco.
Para mim, ele supera Jesse Eisenberg pelo nariz. Eisenberg tem um personagem cujo roteiro trabalha em favor dele. Franco precisa tirar muito mais de dentro de si. E rivaliza com a técnica de Boyle que pode dispersar as atenções de sua cuidadosa atuação (o que não acontece, graças a Franco).

No mais, tomara que A rede social prevaleça mesmo. É disparado o melhor do ano.
Abs

Amanda Aouad disse...

haha, adorei as foto-legendas, post muito bem humorado. Olha, não sei, apesar de concordar que o rei não é isso tudo, acho que ele tem boas chances com a academia, preferia não colocar dinheiro em uma aposta de melhor filme. hehe. Já atriz coadjuvante, eu preferia a menina Hailee Steinfeld.

bjs

Rafael W. disse...

Também adorei o post, ri muito.

E pra mim, o prêmio principal deveria ir pra Cisne Negro.

http://cinelupinha.blogspot.com/

Flávio disse...

Tom. Concordo contigo Jeff Bridges não merecia estar ali...mas como gostam dele né, fazer o quê...

Julia Albuquerque disse...

Testo bem divertido e interessantes análises. Eu não concordo com seu voto de ator, para mim Eisenberg interpretou ele mesmo falando de uma maneira um pouco mais robótica. Pelo menos é a impressão que tenho com as entrevistas, e tenho dúvidas se ele tem versatilidade o suficiente para merecer o Oscar. Acho que Andrew Garfield estava muito melhor.

Os coadjuvantes de O Vencedor são extremamente caricaturais mas, segundo quem conhece a família, na vida real eles são piores então talvez seja realmente hora de reconhecer os dois. Meu voto feminino ainda ficaria com Helena Bonham Carter.

As minhas indicações:
http://takeastresspill.blogspot.com/2011/02/previsoes-finais-academy-awards-2011.html

Raisa Larissa Marcondes disse...

Menino não faça isso!


Já falei em outras ocasiões: se A rede Social ganhar como melhor filme, cancelo minha conta no facebook. Não nego a importancia. Mas a importancia está na história. Talvez como melhor roteiro adaptado leve, mas não como melhor filme. Mas nunca se sabe de nada, principalmente quando se fala em Oscar. Veremos em algumas horas. XD
O Discurso do Rei é meu preferido disparado. A rede social me deu sono que nem o filme do Benjamim Button. É paradão em alguns momentos. Se não fosse a edição, saber onde parar, eu tinha me arrependido de ter baixado o filme. Achei uma merda terem indicado um cara que é o único no filme. Isso mesmo estou falando de Franco. F**k!

Natalia Xavier disse...

SENSACIONAL estes comentarios nas fotos Elton! rs

Merecido o OScar para Portman. Sera que a Bening acreditava mesmo que ia ganhar? rs

Abs!

Rodrigo Mendes disse...

Texto simpático Elton. E no fim, que Oscar não?

Acertou mais do que errou nas apostas. Rs!

Abs.
RODRIGO

cleber eldridge disse...

Foi simplesmente deprimente assistir Tom Hooper vencer melhor direção, eu fiquei por uns 10 minutos em choque.

Felipe C. disse...

Olá Elton, tudo bem?
Indiquei o selo do prêmio Dardos para seu blog.
Se puder dar uma conferida

http://linguagemcultural.blogspot.com/2011/03/premio-dardos.html

Obrigado!
;D

Guilherme Primo disse...

Oi Elton, tudo certo? gostaria de saber se você pode adicionar meu blog na sua barra lateral, posso fazer o mesmo daí... abraço!!!